• 1
  • 2
  • 3

Boletim Eletrônico - SAESP

Esta é uma viagem inesquecível, com lindas paisagens e muita neve, com um local repleto de entretenimentos para todos os gostos como: cafeteria, fábrica de chocolate, teleférico, passeio de barco, estação de esqui e muito mais.

Em Bariloche, as atividades turísticas se desenvolvem em um ambiente natural de beleza cênica. Vários locais como o Parque Nacional Nahuel Huapi, que abriga uma infinita diversidade de flora e fauna, permitem ao turista um maior contato com a natureza.

Muita gente sabe que Bariloche fica às margens do lago Nahuel Huapi, mas poucos imaginam que esse "laguinho" tem 557 quilômetros quadrados e cerca de 450 metros de profundidade.
 
Acredita-se que suas águas seriam suficientes para inundar três cidades do tamanho de Buenos Aires.
 
barilochePor conta de sua extensão, o lago é ótimo para passeios de barco, para prática de esportes e até para pegar um bronzeado no verão.
 
Muitos vão até as suas margens ao entardecer, pois dizem que quem presencia o pôr do sol no lago, nunca mais esquece!

Complexo turístico Teleférico Cerro Otto

O complexo está localizado a 5 km de San Carlos de Bariloche e além das pistas de esqui, ainda possui diversas outras atrações como a Confeitaria Giratória, a Galeria de Artes e o Teleférico, que percorre o caminho da estação inferior à estação superior, localizada no ponto mais alto do Cerro.

Circuito Chico

O circuito é um percurso de aproximadamente 70 km por Bariloche e locais vizinhos.
 
Com inicio na cidade, contorna o lago Nahuel Huapi, o maior da região.
 
No Km 8, há a Praia Bonita em frente a Ilha Huemul.
 
Já no Km 17 está a base de Cerro Campanário, seguindo para a península San Pedro e a Llao-Llao, onde é possível ter a vista privilegiada do Parque Nacional Nahuel Huapi com todas as suas cores e formas.
 
Agora é só preparar as malas e ótima viagem!!!
 
Por: Alexandre Vidal Iglesias
 
www.aurevoirviagens.com.br