• 1
  • 2
  • 3

Boletim Eletrônico - SAESP

Crescentemente nos deparamos com pessoas mais velhas; grupo humano que hoje também é percebido como terceira idade, enfrentando desafios como é o de conviver com um calendário que já não se revela com tanto sentido e importância, pois o presente maior é o agora, sem necessidade de deixar pra depois aquela vontade de fazer ou dizer algo, pois sabe que esse "depois" pode não acontecer.

Surge então ainda mais bem definida e significativa uma certa relação de tempo e espaço que converge para um cenário limitado e desafiador, onde no palco pode haver a família, os filhos, os amigos, os enredos e as histórias explícitas ou implícitas; momentos que colaboraram para a marcação de um tempo norteado pelo amor e pela dor que faz parte das experiências humanas.
 
Neste cenário, se vivenciado com alguma lucidez, busca-se através de uma atuação consciente ou inconsciente resgatar algumas possíveis perdas, pequenos ou grandes enganos e desenganos, pois percebem que a vida não se limita mais pelas suas capacidades físicas, mentais, projetos e sonhos; pelos jogos de culpas e desculpas que agora já terão poucas chances de prorrogação, nem mesmo se houveram "muitas interrupções intencionais ou não".
 
Constata-se a partir daí que a cortina desse palco e dessa peça bem pregada está se fechando. Que a chance de verdadeiramente saborear essa luz e esse ambiente é agora, despojando-se de todo e qualquer figurino ou adereço que tenha pesado e dificultado até então o "caminhar". Deixando de lado a marcação de cena, o texto decorado, a maquiagem e as máscaras... pois o ato, neste caso, só se faz pela presença de corpo e alma sem amarração e de forma arejada e intensa de vida, livre de conceitos e pré-conceitos, pois assim estaremos verdadeiramente atuando até o fim e não assistindo a vida como meros espectadores.
 
 
psicologiaPor: Marcos D. de Paula é Psicanalista.
Coordenador de grupos de Estudo/Pesquisa na área de Mediação de Conflitos.
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.